Blog

Carnaval no norte da Alemanha

Aqui em Hamburgo quase não se sente que é Carnaval.

Mas será mesmo que na Alemanha isso não existe? Sim, existe! Aqui é feriado também, mas não em todo o país. Antes da Unificação em 1871, a Alemanha era dividida em estados e reinos (Cidades-estado de Hamburgo e Bremen, ou reino da Baviera, por exemplo). Além disso, no século XVI, a Reforma Protestante dividiu os cristãos da época, e assim, em algumas regiões passou a se adotar o Protestantismo (Igreja Luterana) enquanto outras continuaram com maioria – e feriados – Católicos. Até hoje a prática do Cristianismo na Alemanha varia de acordo o estado federativo. No Norte (Hamburgo, Bremen, Mecklenburg-Vorpommern, Berlin e Schleswig Holstein) embora haja católicos e igrejas católicas, a maioria ainda é Protestante. E isso se reflete no calendário oficial. Da mesma forma que nos estados mais ao sul do país, como Baviera (Bayern) e Renânia do Norte-Vestfália (Nordrhein-Westfalen), o Catolicismo é bem mais forte.

Por isso, aqui no norte não há feriado de carnaval. Mas tem festa, sim! Em Hamburgo, por exemplo, há bailes à fantasia em clubes, e o mais famoso deles é o Lilabe, que acontece anualmente, quase sempre uma ou duas semanas após o sábado de Carnaval. Ou o Maskenzauber, o lindo desfile de fantasias e máscaras venezianas em frente à prefeitura da cidade. Mas no geral, se você vier a Hamburgo ou a outras cidades do norte da Alemanha nesta época do ano, vai encontrar a rotina comum, sem feriado, ou ruas lotadas.

Para os que não gostam de calor nem de folia, é uma ótima oportunidade para visitar Hamburgo e o norte do país. O auge do inverno (janeiro) já passou, mas ainda é friozinho. Além de poder aproveitar belos passeios, com as cidades tranquilas, e as liquidações de inverno 🙂 Fica a dica para o próximo Carnaval 😉

Bom feriado aos que estão no Brasil, e bom fim de semana normal aos que estão aqui!

Beijos

Rafa

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Back to top